Acesso Rápido

Festa de Santa Rita: rosas chegam ao Papa e podem ser enviadas para fora da Itália

A Igreja celebra nesta sexta-feira (22) a memória de Santa Rita de Cássia. A partir da região da Úmbria, na Itália, fiéis de toda a Itália testemunham a devoção à santa das causas impossíveis. Neste ano, a pandemia e as medidas de segurança mudaram, mas não suspenderam as celebrações da festa tão esperada pela comunidade católica. Devotos italianos e do exterior, por exemplo, poderão receber as rosas abençoadas em casa. Cinco delas, chegarão ao Papa Francisco, representando os 5 continentes.

Neste ano, a festa de Santa Rita vai acontecer de maneira inédita e com grandes sacrifícios e colaboração por parte dos fiéis. Na Itália, a comunidade está podendo participar das celebrações há menos de uma semana, precisando, obrigatoriamente, observar as medidas sanitárias, como usar a máscara de proteção e manter a distância mínima de segurança de ao menos um metro. Esse contexto caracteriza, então, as comemorações italianas deste ano em honra à santa das causas impossíveis.

As rosas de Santa Rita na sua casa
No santuário em Turim, para evitar aglomerações, as celebrações desta sexta-feira (22) não serão abertas aos fiéis e não está prevista a distribuição e a bênção tradicional das rosas – símbolo universal da santa. Porém, a comunidade pode solicitar as flores para receber diretamente em casa com uma oferta mínima de 10 euros por rosa.

Trata-se de uma “rosa estabilizada”, isto é, uma flor verdadeira que, ao alcançar o estado de maturidade ideal, é recolhida manualmente e tratada com técnicas avançadas que permitem a conservação da estética e da cor por vários anos. O pedido deve ser feito até 31 de maio, no site do santuário, para ser entregue no mês de junho, em casa. As solicitações do exterior devem ser feitas pelo e-mail: rosesantaritato@gmail.com.

Já o local ficará aberto somente para quem fez reserva, que seguirá um percurso guiado até a estátua de Santa Rita, para uma breve oração. Neste final de semana, será possível participar das missas, em horários específicos, de maneira contingenciada e respeitando a capacidade do lugar de culto. A maioria das celebrações será transmitida ao vivo, via streaming, pelo portal da Paróquia Santa Rita de Cássia, de Turim: www.srita.it.

Ao Papa vão 5 rosas, símbolo dos 5 continentes
O próprio Mosteiro Santa Rita de Cássia, lugar histórico onde a santa viveu 40 anos, na região de Úmbria, na Itália, estará transmitindo as celebrações nas redes sociais e no site, numa maratona pioneira de 8 horas para levar a festa aos milhares de devotos na Itália e no mundo: é a #MaratonaFestaSantaRita. De maneira inédita, a bênção das rosas também acontece em cerimônia online e para todos os devotos conectados.

A novidade é que 45 delas serão abençoadas no local para depois serem enviadas por todo o país: 20 rosas vão para os presidentes das regiões, uma ao presidente da Conferência Episcopal Italiana, 16 aos presidentes das Conferências Episcopais regionais, uma ao presidente da Itália, Sergio Mattarella, e outra ao primeiro-ministro, Giuseppe Conte. Uma outra será entregue ao prefeito da cidade de Cássia e, outras 5 rosas, simbolizando os 5 continentes, serão enviadas ao Papa Francisco, como protetor do povo cristão no mundo. Irmã Maria Rosa Bernardinis, do Mosteiro de Santa Rita, em Cássia, explica a iniciativa:

“Visto que o Papa Francisco representa a universalidade da Igreja, assim, inclusive dos povos, queremos abençoar 5 rosas. Simbolicamente representam os 5 continentes. A gente pensou: vamos enviar ao Papa e, nele, teremos todos os 5 continentes, porque Santa Rita é conhecida no mundo todo. Inclusive no Paquistão, na Índia, naturalmente na América Latina, …. Santa Rita é uma fiel discípula de Cristo. Jesus nos disse que a única coisa que devemos aprender dEle é de ser manso e humilde. Também hoje precisamos de humildade e mansidão porque, diante das provocações, às vezes, esquecemos que somos cristãos, que devemos agir diante do mal com o bem. Santa Rita nos demonstrou com a vida: se queremos vencer o mal, o Senhor nos deu o meio, nos deu os instrumentos para isso. Ele foi o primeiro exemplo, então, nós devemos segui-Lo.”

“Isso nos diz Santa Rita hoje, como disse ontem e também dirá amanhã: se realmente quiser ser forte, deve ser forte na fé em Jesus Cristo.”

COMPARTILHE

Sobre santuario

Santuário Nossa Senhora de Fátima. Av. Almirante Barroso 1363 Cep.: 68900.040 - Santa Rita Contato: (96) 3222-0963/ (96) 99146-2700 Email: santuarionsfatima.mcp@hotmail.com

Comente

Seu email nao sera publicado. Campos marcados so obrigatorios *

*

x

Checado

Materiais da CFE 2021 já começam a ser oferecidos pelas Edições CNBB

Já estão disponíveis alguns dos materiais da Campanha da Fraternidade ...