Acesso Rápido

Qual a diferença entre IRMÃO e PADRE?

O mês vocacional – AGOSTO – é uma boa oportunidade para enfatizar que, todos, somos chamados por Deus para realizar uma Missão. Nossa vocação comum é a consagração realizada no Batismo, isto nos torna, missionários!

O Documento de Aparecida nos confirma que a adesão a Jesus Cristo e o encantamento por sua pessoa, faz de nós “Discípulos – Missionários a serviço da Vida”. Há várias formas para esta resposta: Padre – Religioso (a) – Matrimônio – Leigos (Exemplo: Catequistas); vocações específicas que celebramos em cada domingo do mês de Agosto na Igreja.

Vamos destacar nesta sessão de “Dúvidas Religiosas”, o Padre e o Irmão, assinalando o que existe em comum nesta vocação e o que difere no serviço que realizamos.

As Congregações Religiosas masculinas, em geral, têm Padres e Irmãos. Quando a Vida Consagrada surge na Igreja com diferentes carismas, ela reúne homens e mulheres para responderem as necessidades do mundo encarnando-se nestas limitações humanas. Por isso, a presença da Vida Religiosa em todos os tempos é profética e torna-se um sinal de Esperança.

A Congregação do Santíssimo Redentor – Missionários Redentoristas – é constituída por Padres e Irmãos. A Congregação Redentorista precisa de confrades irmãos para que “não se perca a beleza do seu carisma”.

Ser Religioso é um chamado de Deus, um Dom! Nossas Constituições – regras da nossa vida – dizem: “pela Profissão Religiosa, todos os Redentoristas são verdadeiramente MISSIONÁRIOS” (Const. 55) e (Const. 02) afirma que “somos um corpo missionário”, todos somos chamados a partir dos nossos dons e pelo trabalho em equipe/comunidade realizar nossa Missão.

A Missão do Consagrado, isto é, do Religioso Irmão Redentorista é, em primeiro lugar, ser memória Viva da Fraternidade, promovendo-a. Desse modo, o Irmão Missionário está completo para realizar sua Missão, podendo estudar, fazer cursos superiores em algumas áreas específicas e de acordo com suas habilidades para colaborar nas necessidades da ação evangelizadora da Congregação e da Igreja. No passado, muitos Irmãos não tinham possibilidades para o estudo, mas, diante desta dinâmica do SER presença, responderam com muita qualidade e espírito de santidade à Missão que foram chamados.

O Capítulo geral de nossa Congregação, realizado no final de 2016, na Tailândia, reafirmou que a Profissão Religiosa é a base de nossa identidade Redentorista. Por isso, enquanto Missionários e no carisma que nos une numa família religiosa, somos todos iguais – Padres e Irmãos!

A diferença entre estas duas opções é a questão ministerial, o serviço – sacramento da Ordem – que recebe o Sacerdote. Este sacramento é qualificante, mas, não torna o presbítero mais consagrado. Por este Sacramento ele irá presidir a Eucaristia (consagrando pão e vinho), em nome da Igreja nos dará a absolvição dos pecados e ungirá os doentes. Aqui está a diferença entre o Padre e o Irmão. Por opção, o Irmão Missionário Redentorista, não recebe este Sacramento.

Comparativamente, podemos entender, como o avião que precisa de duas asas, assim a Congregação precisa do Padre e do Irmão; o corpo humano para bom funcionamento consta de dois pulmões, assim a Congregação precisa do Padre e do Irmão.

Uma pergunta curiosa que sempre aparece é: … “sendo assim, o Irmão pode casar?”… e, a resposta é – por causa da Profissão Religiosa temos os mesmos compromissos, os votos /conselhos evangélicos: castidade, pobreza e obediência; tanto os Padres como os Irmãos. Portanto, o Irmão não pode casar.

Agradecemos esta vocação presente na Igreja. Fica o convite para você, JOVEM, e a certeza de que: Vale a pena consagrar-se a Deus, como IRMÃO MISSIONÁRIO REDENTORISTA.

Afinal, como já nos lembra Jesus no Evangelho: “Entre vós, todos sois IRMÃOS”… (Mt 23,8). Sejamos irmãos, no sentido pleno da palavra, para sermos mais fraternos.

COMPARTILHE

Sobre santuario

Santuário Nossa Senhora de Fátima. Av. Almirante Barroso 1363 Cep.: 68900.040 - Santa Rita Contato: (96) 3222-0963/ (96) 99146-2700 Email: santuarionsfatima.mcp@hotmail.com

Comente

Seu email nao sera publicado. Campos marcados so obrigatorios *

*

x

Checado

Materiais da CFE 2021 já começam a ser oferecidos pelas Edições CNBB

Já estão disponíveis alguns dos materiais da Campanha da Fraternidade ...